Biblioteca Pública do Estado da Bahia

Sobre a Biblioteca Pública do Estado da Bahia

Localizada no centro da cidade, no bairro dos Barris, a Biblioteca Pública completa esse ano 10 anos de sua última reforma. Exemplo de democracia e de valor do que é público, oferece um mundo de informações e conhecimento para todos, devolvendo, ao mesmo tempo, ao povo baiano sua memória através de um enorme acervo e um banco de dados atualizado. Com o investimento em informatização em rede, tornou-se possível a pesquisa de informações em catálogos não só da Biblioteca Pública do Estado da Bahia, mas também de outras seis estaduais.

Atualmente a biblioteca apresenta cinco pavimentos de ambiente com iluminação e temperatura adequadas, móveis confortáveis, instalações sanitárias novas, rede elétrica e hidráulica, saídas de emergência, auditório, salas de aula, além do acesso para públicos especiais, como crianças, idosos e deficientes físicos.

dscn1856

Entrada da Biblioteca

Setores do Térreo:

No térreo localiza-se o Setor Infanto-juvenil, destinado às crianças, com um ambiente alegre, adequado para o fortalecimento do gosto pela leitura. Com piso, mesas e cadeiras coloridas, palco para teatrinho, banheiro exclusivo, a sala tem ainda poltronas confortáveis para as mães lerem para os seus filhos. Ainda são realizadas atividades culturais programadas, a Biblioteca promove exposições, peças infantis, teatro de bonecos, recitais de poesia, clubes de leitura e lançamento de livros infanto-juvenis.

Ainda no térreo, o Setor Braille é uma sala totalmente voltada aos deficientes visuais, com acesso por portas laterais a sala possui um importante serviço: o trabalho de um grupo de voluntários copistas e ledores que, através de plantões diários, gravam a leitura, lêem diretamente para o usuário, copiam e transcrevem livros e ensinam Braille.

O Setor de Empréstimos tem como objetivo organizar o vai-e-vem de livros e disponibilizá-los para que os usuários possam levá-los para casa. É possível pegar até dois livros com um prazo máximo de 15 dias. Para fazer a retirada do livro é necessária uma inscrição feita a partir da apresentação de carteira de identidade, comprovante de residência e foto 3×4.

No Setor de Pesquisa estão disponíveis publicações de diferentes áreas do conhecimento: as melhores enciclopédias, livros didáticos, biografias, monografias, etc.

Existe, ainda no térreo, a Sala Especial, destinada aos que não conseguem estudar em casa. Com boa iluminação, cadeiras confortáveis, nesta sala é possível trazer seu próprio material e ficar o tempo que desejar.

Ao lado da Sala Especial está o Setor de Referência. Destinado à aqueles precisam de uma data, ou o título de um livro específico, a sala está repleta de almanaques, anuários, atlas, bibliografias, dicionários, guias, tudo devidamente catalogado e arrumado em estantes. Ainda é possível encontrar CDs-ROM com o Código Civil, Penal, Tributário Nacional, Penal Militar, Comercial, Eleitoral, além da Constituição Federal e um vasto material sobre legislação complementar.

dscn1862

Pátio Interno

Setores do 1º andar:

O setor de Notícias abrange jornais e revistas. É a sala mais procurada da Biblioteca, pois é nela que o usuário se informa do que está acontecendo no Brasil e no mundo. São 291 títulos de jornais da Bahia, Brasil e do mundo e 2730 títulos de revistas informativas, técnicas e científicas, desde o século XIX até os dias de hoje.

Ainda no 1º andar se encontra o setor de jornais e revistas raros. O setor de Raros é destinado ao pesquisador credenciado, acadêmico, teórico que conhece bem as técnicas de manipulação de uma obra rara ou valiosa. Lá se encontram obras adquiridas desde 1811. O acervo contém exemplares como “O Correio Brasiliense”, de 1808 e “O Investigador Português” de 1812.

dscn1857

dscn1859

Fotos da Exposição Luzes dos Orixás, do artista Manuel Neto, de 17/11 a 06/10/2008, no saguão principal.

Setores do 2º andar:

Nesse andar se encontra basicamente o setor de Obras Raras e Valiosas. Nesta sala é possível ver obras que passam desde o século XVI, com “Mythologiae” de Natale Conti (1581), até chegar o dia da inauguração da Biblioteca Pública do Estado da Bahia, em 1811, lendo a “Oração Gratulatória do Príncipe Regente”, de José Ignácio de Macedo. Na coleção estão obras de todos os campos do conhecimento, obras de referência, coleções de autores brasileiros e estrangeiros. Até 1999 o setor era utilizado apenas por pessoas credenciadas devido ao cuidadoso manuseio. Com a digitalização do acervo, qualquer pessoa pode utilizar a coleção para suas pesquisas.

Setores do 3º andar:

É no terceiro andar que se localiza o setor de Audiovisual. Esta sala é uma das novidades que vieram com a reforma de 1996. Nela encontram-se poltronas, fones e cinco cabines com televisões e vídeos. Feita, principalmente, para atividades envolvendo música ou aprendizado de línguas estrangeiras, a sala permite uma “reunião” com amigos e conhecidos, facilitando a interação e a troca de informações.

O setor de Documentação Baiana é destinado à pessoas com interesse em conhecer mais sobre autores baianos. Na sala podem-se encontrar as obras mais representativas do pensamento, cultura, ciência e artes da Bahia, escrita por baianos ou outros autores brasileiros.

A Biblioteca Pública do Estado da Bahia possui ainda um auditório, localizado no terceiro pavimento, que tem capacidade para 150 pessoas. O espaço é disponibilizado para palestras e eventos destinado ao público.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

%d blogueiros gostam disto: